Instrumentos Manual Óptica
1213_ADULTERACAO

MÉTODO DE IDENTIFICAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DE AÇAÍ ADULTERADO

Método identifica fraude em amostras de açaí com 1% de adulterante

A adulteração da polpa de açaí em pó é realizada usando adulterantes que podem ser facilmente misturados e dificilmente detectados, devido à complexidade das matrizes de alimentos. Alguns métodos rápidos, baseados em espectroscopia, podem substituir as técnicas tradicionais para a autenticação de alimentos, como a Espectroscopia de Infravermelho próximo (NIR), que se caracteriza por ser uma análise rápida com mínimo ou nenhum preparo de amostras, que já foi aplicada com sucesso na indústria de alimentos para a determinação de autenticidade.

Foi desenvolvido na Unicamp  um método de identificação e classificação de açaí adulterado por meio do uso da técnica de Espectroscopia de infravermelho próximo (NIR) e técnicas quimiométricas. Foram realizados testes com alguns adulterantes, o método identificou amostras com 1% de adulterante e mostrou-se 100% de sensibilidade e especificidade.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS E CARACTERÍSTICAS DA INVENÇÃO:

Identificação de amostras com 1 % de adulterante
100 % de sensibilidade e especificidade
Testes realizados com adulterantes: amido de milho, polpa de beterraba, amido de mandioca, maltodextrina e suco de uva

INVENTORES:

Juliana-Azevedo-Lima-Pallone
Juliana Azevedo Lima Pallone

. Graduação em Química pela Universidade Federal de São Carlos
. Mestrado em Ciência de Alimentos pela Universidade Estadual de Campinas
. Doutorado em Ciência de Alimentos pela Universidade Estadual de Campinas
Atua como professora na UNICAMP ….
Kleidson Brito de Sousa Lobato
UNICAMP
Priscila Domingues Alamar
UNICAMP
Elem Tamirys dos Santos Caramês
UNICAMP
FACULDADE / INSTITUTO
Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA – UNICAMP)

STATUS DA PATENTE:

Pedido de patente de invenção depositado junto ao INPI.
Código interno: 1213_ADULTERACAO

MAIS INFORMAÇÕES:

parcerias@inova.unicamp.br

(19) 3521.2607 / 5013

ESPAÇO PARA TEXTO EM INGLÊS

COMPARTILHE:

TECNOLOGIAS RELACIONADAS: