Análise de materiais biológicos Instrumentos Manual Tecnologia médica

DISPOSITIVO ADAPTADOR PARA CÂMARA DE CINTILAÇÃO

Quantificacão de emissões radioativas de um radionuclídeo presente em uma amostra biológica

 A Medicina Nuclear permite avaliar a condição dos pacientes através do rastreamento das emissões radioativas do radionuclídeo de uma molécula. Porém, a determinação da quantidade de radiotraçador no plasma sanguíneo só é possível com o uso de um equipamento muito complexo e de custo relativamente alto, o que acaba inviabilizando seu uso.

O novo dispositivo adaptável a câmaras de cintilação [SPECT) compreende suportes que desempenham o papel de “unidades colimadoras” e atua como um contador gama, via processamento de imagem, permitindo a quantificação do radionuclídeo presente na amostra.

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS E CARACTERÍSTICAS DA INVENÇÃO:

Análise quantitativa de amostras radioativas
Contador gama via processamento de imagem
 Adaptável a equipamento já disponível
 Aplicação em diagnósticos de processos fisiológicos e metabólicos

INVENTORES:

CELSO DARÍO RAMOS

• Medicina· USP
• Especialista em Medicina Nuclear • UNICAMP
• Doutorado em Ciências Médicas – AMB/CBR Atua como Pesquisador e Professor Doutor no Departamento
de Radiologia da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas. além de ocupar o cargo de Diretor do Serviço de Medicina Nuclear/HC, UNICAMP
SÉRGIO QUERINO BRUNETTO
CEB
DANIEL MASSARO ONUSIC
REI
FACULDADE/INSTITUTO:
Faculdade de Ciências Médicas – FCM / UNICAMP

STATUS DA PATENTE:

Pedido de patente de invenção depositado junto ao INPI.
Código interno: 929_COLIMADOR

MAIS INFORMAÇÕES:

parcerias@inova.unicamp.br

(19) 3521.2607 / 5207

ESPAÇO PARA TEXTO EM INGLÊS

COMPARTILHE:

TECNOLOGIAS RELACIONADAS: