Unicamp desenvolve nova ferramenta educacional para inclusão de comunidades surdas

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS E CARACTERÍSTICAS DA INVENÇÃO

controls-2

Permite que usuários construam sentidos para palavras por meio de texto escrito, imagem e vídeo

connection

Promove o acesso democrático ao conhecimento para as comunidades surdas por meio de uma construção coletiva

chat

Possibilita o maior acesso a Língua Brasileira de Sinais na internet

Aplicativo e plataforma colaborativa Palavreando visa promover o acesso democrático ao conhecimento por meio da tecnologia

As comunidades surdas brasileiras enfrentam diversos desafios ao se integrarem em escolas regulares, que geralmente não levam em conta suas particularidades linguísticas e culturais.

A falta da Língua Brasileira de Sinais (Libras) no currículo escolar, a escassez de professores capacitados em educação inclusiva e de intérpretes de Libras, resulta em grandes dificuldades no aprendizado de conceitos e significados em português escrito.

Para mitigar essa realidade e fomentar a inclusão dessas comunidades, pesquisadores do Instituto de Estudo da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas (IEL-Unicamp) desenvolveram o “Palavreando”, um aplicativo/plataforma colaborativo que permite que usuários construam sentidos para palavras por meio de texto escrito, imagem e vídeo.

O objetivo do Palavreando é reduzir o abismo educacional e promover o acesso democrático ao conhecimento por parte das comunidades surdas, por meio da construção colaborativa e negociação de sentidos entre os usuários, usando diferentes modalidades de expressão, incluindo o registro de sinais em Libras, contribuindo assim para a disseminação da língua.

Ao trabalhar com imagens, vídeos e sinais, o Palavreando surge como uma alternativa aos dicionários, glossários e outras plataformas destinadas à comunidade surda, que geralmente oferecem apenas a tradução entre Libras e Português, sem fornecer significados para as palavras, o que obriga os surdos a procurar na internet por significados, uma área onde a Língua Brasileira de Sinais ainda têm pouca presença.

INVENTORES

Claudia Hilsdorf Rocha

• Graduada em Letras pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1987)
• Mestrado (2006) e doutorado (2010) em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
• Professora do Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada (PPG-LA) do Instituto de Estudos da Linguagem/ IEL-UNICAMP
Jéssica Vasconcelos Dorta
Instituto de Estudos da Linguagem (IEL – UNICAMP)

FACULDADE/INSTITUTO:

Instituto de Estudos da Linguagem (IEL – UNICAMP)

DETALHES

TÍTULO: Palavreando
STATUS: DEPOSITADO
CÓDIGO: PC257_PALAVREANDO
Esta tecnologia foi desenvolvida em parceria com a Fapesp

COMPARTILHE:

TECNOLOGIAS RELACIONADAS: